Segunda, 11 de Dezembro de 2023
Publicidade

Nove terminais de ônibus são bloqueados em São Paulo

Nove terminais de ônibus da capital paulista foram bloqueados por manifestantes na manhã de hoje (21), de acordo com informações da São Paulo Trans...

21/11/2023 às 11h29
Por: Redação Fonte: Agência Brasil
Compartilhe:

Nove terminais de ônibus da capital paulista foram bloqueados por manifestantes na manhã de hoje (21), de acordo com informações da São Paulo Transporte S/A - SPTrans.

Os bloqueios ocorrem no mesmo dia das eleições para a renovação da diretoria do Sindimotoristas. A SPTrans disse que vai registrar boletim de ocorrência junto à polícia para que as pessoas que estão impedindo o acesso dos passageiros aos terminais sejam responsabilizadas.

“A SPTrans repudia os atos que privam a população de São Paulo de acessar o serviço essencial de transporte público nos terminais João Dias, Mercado, Campo Limpo, Capelinha, Parque D. Pedro II, Pinheiros, Santana, Santo Amaro e Vila Nova Cachoeirinha, sem qualquer aviso prévio aos passageiros”, diz a SPTrans em nota.

A SPTrans está ainda deslocando equipes de campo e guinchos do sistema de transporte municipal para prestar apoio à operação dos terminais da cidade, além de pedir auxílio do policiamento para atuar nestes locais.

O Sindmotoristas afirmou que apesar dos atos de vandalismo no sistema, a eleição do sindicato ocorre normalmente. “A eleição para a renovação da diretoria do sindicato, coordenada pela Comissão Eleitoral e ratificada pela 52ª Vara do Trabalho de São Paulo, segue normalmente, sem intercorrências nos locais de votação. Não há nenhum impedimento aos trabalhadores e trabalhadoras em transporte para manifestar o direito de escolher seus representantes.”

Em nota no site, o Sindimotoristas insinua que o objetivo dos “agitadores” é o de prejudicar o processo eleitoral em andamento e diz lamentar e repudiar os incidentes que prejudicaram milhares de pessoas que dependem do transporte público. “Defendemos de forma categórica que a disputa aconteça democraticamente por meio do voto. Providências já estão sendo tomadas para que os atos de vandalismo sejam averiguados e passíveis de punições pelos órgãos competentes”, ressaltou o sindicato.

As eleições começaram à meia-noite de hoje, com os trabalhadores indo às urnas assim que iniciam seu turno. Segundo o Sindimotoristas, são quatro chapas concorrendo, e todas as medidas foram tomadas para garantir a segurança e tranquilidade dos votantes.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários